Uma coisa é certa, todos ganham ao pedir uma nota fiscal eletrônica (NFE). O motivo disso é muito simples, o consumidor ganha ao ter mais praticidade nas suas transações, virtuais ou físicas; o meio ambiente agradece pela menor emissão de papel; e o governo consegue sistematizar mais facilmente a movimentação fiscal dentro do seu território. Devido aos muitos benefícios oferecidos aos usuários da nota fiscal, cliente ou vendedor, a consulta NFE é muito realizada, por isso é necessário saber realizá-la de maneira correta.

Ou seja, a utilização desta prática traz benefícios financeiros aos compradores. Para saber como isso funciona, vamos explorar melhor a página especial no site da Receita Federal.

Como Consultar o Saldo da NFE

Antes de verificar o saldo através da consulta NFE é necessário tê-la emitida. Se você já é usuário deste serviço, sabe que o governo é o responsável por garantir e validar a nota. Este processo é extremamente importante, pois sobre ela incidirão os impostos e darão a garantia de procedência do produto.

Consulta NFE Completa

Se você precisa conferir a origem e a validade da nota, entre no portal criado pela Receita Federal especialmente para a Nota Fiscal Eletrônica (www.nfe.fazenda.gov.br), e clique em “consultar NFE completa”. O usuário será redirecionado à página onde se devem colocar os dados da nota.

O único dado que é pedido é a chave de acesso – é a sequência de 44 dígitos que ficam, normalmente, no canto superior direito da nota fiscal. Digite-as e, em seguida, digite as letras que aparecerão nas imagens do lado. Se os dados conferirem, você será levado até uma terceira tela.

NFE - Nota Fiscal EletrônicaNela, a nota fiscal aparecerá, com todos os principais dados presentes em uma tradicional nota impressa: dados gerais de emitente e destinatário; data de emissão da nota, CNPJ (ou então CPF) de ambos. No quadrado final, na parte de baixo, é chamada de “situação atual”, que indica o status da nota:autorizada significa que sua situação está regular perante a Receita. O fato de ela estar não autorizada pode representar problemas futuros para quem estiver em posse da nota ou, então, dos itens descriminados nela.

Por isso mantenha bastante atenção em todas as notas fiscais eletrônicas emitidas ou recebidas por você, realize sempre a consulta NFE. Além de representarem maior praticidade em seu gerenciamento, podem evitar grandes problemas com a Receita Federal.